AHLAM SHIBLI: TRAUMA

"O livro "Ahlam Shibli: Trauma"  acompanha a exposição das fotografias de Ahlam Shibli entitulada "Trauma", que  estará aberta ao publico de 6 de Março até 16 de Maio no Château de Sedières em Clergoux, Corrèze, França.


O livro em capa dura é uma publicação de grande formato de 148 páginas, que ilustram 48 fotografias do trabalho Trauma, tiradas em 2008-2009 na região de Corrèze, e caracteriza ensaios da escritora Adania Shibli e do curador Ulrich Loock, em Francês e Inglês.
Trauma refere-se aos acontecimentos de 7 a 9 de Junho, de 1944 em Tulle, como ponto de partida para uma reflexão do significado de lar: como  pode ser entendido que uma e a mesma população, em alguns casos, mesmo as mesmas pessoas, resistam à ocupação dos Alemães e sofram das suas atrocidades, uns anos mais tarde, contudo, levem guerras coloniais contra pessoas que pedem independencia por sua vez.
O livro Trauma foi produzido com apoio da associação Peuple et Culture Corrèze.
Ahlam Shibli é uma artista palestiniana que tem trabalhado desde 1996 na área da fotografia. De formas variadas o seu trabalho diz respeito com noções diferentes e alteradas do que significa estar em casa ou não estar em casa.
Uma palavra especial de gratidão e apreço, de Ahlam Shibli, é dada ao designer gráfico Artur Rebelo e a toda a equipa da Norprint que fizeram mais do que o seu melhor para criar o livro Trauma de forma perfeita, nomeadamente: Jorge Moreira, Vitor Reis, Jaime Campos, Nelson Fernandes, Pedro Santos." Texto de: Ahlam Shibli
www.ahlamshibli.com