Skip to Content

JORNAL ARQUITECTOS

graficas, artes graficas, livro,impressão

“A mudança sociológica que a arquitectura portuguesa viveu nos últimos vinte e cinco anos merece um balanço. Nem os arquitectos continuam a ser uma classe à parte no panorama das profissões – senhores de meia-idade, incompreendidos e marginalizados –, nem o contexto socioeconómico do país é propenso à retoma da indústria da construção.

O que fazem, e o que podem fazer, os arquitectos portugueses?Uma das respostas é o trabalho de manutenção e reabilitação do património.

Os arquitectos e a arquitectura estão no fio da navalha. Por entre os estilhaços da crise não faltam sinais de vitalidade que auguram um futuro promissor, mas há que continuar a expandir a cultura arquitectónica para evitar que a profissão se transforme numa banalidade dispensável”.

Publicado na Newsletter Norprint, Janeiro 2015, Ano 2015, No. 99




artigos | by Dr. Radut